A busca por mim

Eu queria viajar, conhecer o mundo, pessoas, cidades e culturas. Queria conhecer mais do que as montanhas que cercavam a minha cidade natal. E eu queria que você fosse comigo, que estivesse ao meu lado para podermos conhecer e aprender tudo isso juntos, mas você não foi e eu segui sozinha. Não me arrependi, confesso. Nunca fui muito apegada com essas coisas, você sabia disso.

No dia do meu voo, conter as lágrimas durante a despedida foi impossível, pois sabíamos que não era uma simples viagem, era uma despedida de nós. Era o fim desse nosso amor juvenil, que ira mudar com a gente, poderíamos nos encontrar depois, só que nada voltaria a ser como antes. E nesse momento tínhamos que seguir separados, por mais que quiséssemos permanecer juntos.

Conhecer o mundo era um sonho e você sabia que nada iria me impedir de realizá-lo. Eu era obstinada, você sempre dizia. E por mais que completássemos um ao outro, deixar um sonho de lado, o meu sonho, não me completaria e nesse momento eu precisava pensar mais em mim. E foi o que eu fiz, peguei meus planos, fiz minhas malas e segui viagem.

E como eu sempre disse, eu estava seguindo meu sonho, mas também estava em busca de mim.

por Agnes Martins – Follow my blog with Bloglovin

Agnes Martins

Nascida e criada em Belo Horizonte, Agnes, é formada em publicidade e propaganda com pós em Marketing e Comunicação. Geminiana, com ascendente em aquário e vênus em áries. Ama assistir seriados, ler livros e escrever sobre tudo nas horas vagas.

Deixe uma resposta